Foi ao SEF solicitar título de residência, afinal era procurado pela Interpol

0
642
FOTO de Arquivo. SEF ©️

Manuel Matola

O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras deteve um imigrante que foi a um balcão do SEF em Portalegre, na região do Alentejo, para solicitar concessão de autorização de residência temporária em Portugal e descobriu-se que afinal era procurado pela Interpol.

O caso deste estrangeiro, cuja identidade não foi revelada, é contado pelo próprio SEF numa nota enviada ao jornal É@GORA na qual explica que a polícia migratória portuguesa foi esta semana apanhada de surpresa ao descobrir no sistema interno que o requerente de residência era alvo de um mandado de detenção internacional para extradição.

“Consultada a base de dados da Interpol, verificou-se a existência de um alerta inserido pelas autoridades dos Emirados Árabes Unidos”, lê-se na nota divulgada pela instituição que assegura a entrada estrangeiros no país.

Agora vai ser expulso, pois “o cidadão estrangeiro foi apresentado no Tribunal da Relação de Évora, o qual determinou a sua condução e entrega pelo SEF no Estabelecimento Prisional de Lisboa, onde permanece a aguardar a formalização do pedido de extradição”.

Agressor

E houve outro caso idêntico esta semana, cuja nacionalidade do imigrante não foi revelada, mas que decorreu num balcão de atendimento do SEF na área da Direção Regional de Lisboa Vale do Tejo e Alentejo.

Um cidadão estrangeiro que também se deslocou a um balcão do SEF “foi capturado” ao se apurar que sob o imigrante “pendia um mandado de detenção, para cumprimento de pena, pela prática de um crime à integridade física qualificada e um crime de detenção de arma proibida”.

Segundo o SEF, “o cidadão já tinha sido condenado a cinco anos de prisão por tráfico de estupefacientes em 2006, tendo sido afastado coercivamente de território nacional em 2015 por um período de sete anos, pelo que se encontrava em violação da medida de interdição de entrada”.

O cidadão foi conduzido ao Estabelecimento Prisional de Lisboa. (MM)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here