Intuição – O Teu GPS Interno

0
322

Adelaide Miranda
(Life Coach de Alta Performance)
Nos dias de hoje quando queres ir a algum lado, de carro, basta ligares o GPS. Colocas o destino e fazes-te à vida. Em frente, para a esquerda, para a direita, mantém-te em rota, trava… E assim, o GPS vai-te guiando até chegares ao destino.

Porque uso esta analogia? A questão é: se o carro tem GPS, ou seja, sistema de navegação, qual o nome que tu dás ao teu próprio sistema de navegação? O que te faz ir da esquerda para a direita, seguir em frente ou parar? Por que motivo tomas as decisões que tomas? Por que motivo, por vezes, sentes que aquele é o caminho a seguir sem teres nada que te prove que realmente é o caminho a seguir?

A realidade é que todos nós nascemos com um sistema de navegação interno. Um sistema que sabe qual a direção a seguir. A grande questão é que perdemos o nosso manual de instruções para esse sistema e somos “obrigados” a decidir o nosso caminho com base em informação fornecida por outros, ou informação comprovada. Seguimos o GPS do carro às cegas, mas perdemos a capacidade de seguir o nosso sistema de navegação interno. E qual o nome do nosso sistema de navegação interno? Intuição. É isso mesmo, é a tua intuição que te guia inconscientemente, e podes aprender a usá-la de forma consciente. É importante, essencial e obrigatório ouvires a tua intuição para que possas seguir o caminho adequado para ti.

E como acedes à tua intuição uma vez que perdeste o teu manual de instruções? Não seja por isso, deixo-te aqui três dicas simples:

Dica 1 – Meditar

Sim. Meditar. É verdade, a meditação não serve apenas para “acalmar a mente”. Quando meditas consegues eliminar o ruído exterior e focar-te no que se passa no teu interior. Ouvires a tua voz dentro do silêncio enquanto estás presente no momento. Neste silêncio consegues aceder à tua intuição.

Dica 2 – Estar Presente no Momento

A intuição é bloqueada pela nossa necessidade de barulho constante e multi-tasking. Não conseguimos estar parados e com foco a 100% no que estamos a fazer. A sugestão é que faças precisamente o contrário: faz uma coisa de cada vez. Presta atenção às escolhas que tu fazes, às coisas que dizes. Presta atenção aos teus pensamentos, desta forma irás entrar em contacto direto com a tua intuição, com o que realmente se passa dentro de ti.

Dica 3 – Escrever um “jornal”

Pega em papel e caneta, coloca a caneta sobre o papel e começa a escrever. Escreve os teus pensamentos. Escreve o que te vem à mente sem filtrar. Não penses em editar, apenas limita-te a escrever. A tua intuição irá entrar em ação e trazer-te as respostas.

Estás na rota para ligares o teu GPS interno. Prepara-te para os momentos de clareza que irão surgir. Deixa que o teu instinto te guie, ouve a voz da tua intuição e segue a direção correta na tua vida.

E já sabes que não saio daqui sem relembrar-te da nossa trindade: máscaras, distâncias de segurança e lavagem frequentes das mãos. Mantém-te em segurança até porque precisas de uma mente calma e serena para que possas ouvir a tua intuição. (X)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here