Quem veste bem ganha mais!

0
203

Profissionais que sabem se vestir bem ganham até três vezes mais!

Claudina Correia
(Consultora de Imagem)
O jornal americano The Wall Street divulgou um estudo realizado pela Yale School of Managment que reuniram 128 homens e criaram um cenário de negociação onde divididos em três grupos, cada grupo recebeu roupas diferentes: um recebeu fatos formais, outro roupas desportivas e outro com peças aleatórias. O grupo que vestia roupas formais teve um rendimento três vezes superior ao segundo grupo, com roupas desportivas.

O estudo ainda justifica os resultados com dois motivo, um deles se refere ao facto de roupas formais aumentar a confiança de quem as usa e outro porque também influencia de forma positiva como as outras pessoas nos vêem.

Um outro estudo citado pelo jornal Washington Post onde menciona que os participantes que usavam roupas formais revelaram melhor desempenho a nível de raciocínio, sendo mais rápidos que os participantes de outro grupo com roupas informais/casuais.

Ainda um outro estudo realizado pela Universidade de Chicago onde acompanharam aproximadamente 15.000 homens e mulheres, que foram entrevistados várias vezes e avaliando a sua imagem, a forma de vestir e comparando os seus salários concluíram foi que as mulheres com uma imagem mais cuidada e atrativa ganhavam em média 20% mais.

Estes estudos vêm apenas revelar aquilo que de uma forma inconsciente já sabemos. Cada tipo de roupa que vestimos exerce uma influencia no nosso comportamento. Quando temos roupas mais formais automaticamente adotamos uma postura mais formal e com roupas mais casuais ficamos mais relaxados e afetam também a forma como desempenhamos as nossas atividades.

Não só as roupas em si, mas também as cores que usamos. As cores têm o poder de influenciar o nosso estado de espirito, nossas emoções e performance.

Uma imagem cuidada traz-nos benefícios em vários sentidos, é importante levarmos isso em consideração e colocarmos a nossa imagem a trabalhar a nosso favor. (X)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here