Salvini encerra maior campo de migrantes da Europa

0
11

“Um dia lindo” foi a expressão utilizada pelo vice-primeiro-ministro italiano e ministro do Interior para descrever o dia em que foi à Sicília assistir ao encerramento do maior centro de migrantes da Europa.

Matteo Salvini acusou o centro Cara di Mineo de ser a raiz de todos os: “Passámos das palavras aos atos. Certamente todos se lembrarão de todos os inquéritos abertos pelos magistrados relacionados com o centro de Mineo, desde a máfia nigeriana, tráfico de droga, prostituição, violações e homicídios na Palagónia, que não podem ser esquecidos”.

Também esta terça-feira, a guarda costeira italiana resgatou 53 migrantes no Estreito da Sicília e transportou-os para o porto de Pozzallo, mas seis foram levados imediatamente para Lampedusa por razões médicas.

fonte: Euronews

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here