SEF disponibiliza novo endereço eletrónico para os imigrantes

0
3218

Manuel Matola

O Serviço de Estrangeiros e Fronteira disponibilizou um novo endereço eletrónico para os imigrantes com dificuldades de contacto com o SEF, quer por perda do e-mail, esquecimento da palavra-chave ou por nunca ter recebido quaisquer respostas relativas à manifestação de interesse dos seus atuais ou antigos advogados.

O novo contacto é dnarba@sef.pt e servirá apenas para os cidadãos estrangeiros que tiverem perdido seus emails ou não tenham acesso, nem senha. Estas pessoas devem “enviar um e-mail com os seus dados a pedir a sua credencial”, indica uma nota do SEF enviada ao Comité de Imigrantes de Portugal (CIP), com o objetivo de partilhar o endereçO junto da comunidade migrante.

Em declarações ao jornal É@GORA, a líder da CPI Juliet Cristino disse que o novo endereço foi fornecido ao Comité “pelo próprio SEF” que nos últimos tempos tem recebido muitas solicitações de imigrantes a se queixarem da dificuldade de contacto com aquele serviço migratório por razões várias.

A título de exemplo, Juliet Cristino apontou casos de imigrantes que mudam de advogados ficando impossibilitado de saber o estado das sua manifestação de interesse.

A advogada Natércia Mouzinho denunciou há dias que um seu cliente foi comunicado que o seu agendamento foi anulado, num caso que se assemelha ao da brasileira Sandra Silva que esperou dois anos e meio para se legalizar junto ao SEF, mas no dia em que chegou às instalações do serviço migratório teve uma notícia inesperada: a de que venderam a sua vaga de agendamento.

Em declarações ao jornal É@GORA, a advogada Natércia Mouzinho considerou “estranho que uma pessoa com agendamento confirmado lhe seja comunicada que o agendamento ficou agendamento”, até porque, acrescentou, o cliente nunca desmarcou o agendamento.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here