SEF não explica gastos de mais de um milhão de euros destinado a refugiados

0
56

Oliver Quinto

Portugal recebe a cada refugiado acolhido no Programa de Reinstalação 10 mil euros da Comissão Europeia. O montante é fixo e pago a cada indivíduo, está garantido desde 2016 aos países que acolhem refugiados. Objetivo: ajudar os países, entre eles Portugal, a concretizar o seu empenho em abrigar e proteger os expatriados.
O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) não consegue elucidar onde foi parar parte das verbas recebidas em 2018 e 2019 que se destinavam a mais de 400 refugiados em Portugal. Dos 10 mil euros por beneficiário, um quarto do valor não chegou ao seu destino. De sua parte, o SEF indicou ter seguido as recomendações da auditoria do Tribunal de Contas de 2019, e afirma ter feito o “pagamento integral”.
Se o SEF pagou e os refugiados não receberam, resta aí um problema de matemática a ser resolvido.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here